Park Yoo-chun, do grupo de K-pop JYJ, é preso por suspeita de compra e uso de drogas

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
k-pop park yoo chun

Cantor nega as acusações e afirma que nunca fez uso de substâncias ilícitas

O cantor sul-coreano Park Yoo-chun, de 32 anos, membro do grupo de K-pop JYJ, foi preso nesta sexta-feira (26) após ser acusado de comprar e usar drogas ilícitas, segundo informações da agência Reuters.

Ainda de acordo com a Reuters, o Serviço Nacional de Medicina Legal realizou um teste de drogas de uma amostra de cabelo depois que ele tingiu e raspou a maior parte dos pelos de seu corpo antes de realizar o exame.

Yoo-chun é suspeito de comprar 1,5 g de metanfetamina com sua ex-namorada no início do ano e usar a droga por cinco vezes. O cantor nega as acusações e afirma que nunca fez uso de drogas.

Em comunicado na última quinta-feira (25), a C-Jes Entertainment, que era responsável pelo gerenciamento do grupo, cancelou o contrato com o artista e declarou:

“A agência reconhece profundamente a gravidade e responsabilidade pelo assunto. Faremos o nosso melhor para passar por reformas e tomar medidas para evitar que tal incidente surja novamente.”

Mexerico

Mexerico

Leave a Replay