Funcionário dos correios preso nos EUA estava com três cédulas eleitorais, não 800

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Postagem viral exagera número de votos encontrados com homem acusado de desviar encomendas, para sugerir fraude nas eleições presidenciais

Postagem viral exagera número de votos encontrados com homem acusado de desviar encomendas, para sugerir fraude nas eleições presidenciais

É falso que um funcionário do serviço de correios americano tenha sido preso com mais de 800 cédulas eleitorais não entregues. Na verdade, um homem foi preso com 813 encomendas na fronteira com o Canadá, das quais apenas três eram cédulas. Este conteúdo foi compartilhado inicialmente nos Estados Unidos, mas viralizou no Brasil e um leitor solicitou ao

do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, um homem de 27 anos foi preso em 3 de novembro, dia das eleições americanas, na fronteira com o Canadá no estado de Nova York.

O rapaz dirigia um caminhão quando foi parado pela polícia de fronteira. No caminhão encontraram 813 encomendas, das quais apenas três eram cédulas de votação. Os votos pertenciam a moradores do condado de Erie County, no estado de Nova York. Naquele estado, Biden ganhou a eleição com ao menos 12,8% de vantagem sobre o presidente Donald Trump.

Fonte: https://politica.estadao.com.br

Mexerico

Mexerico

Leave a Replay