Oscar 2019: Saiba quem são os brasileiros que votam na premiação


Se você é do tipo de pessoa que adora acompanhar as maiores premiações do mundo do cinema, certamente já está segurando a empolgação para a 91ª edição do Oscar, que acontecerá no dia 24 de fevereiro.

Mesmo que seja esnobado por alguns e adorado por outros, é impossível negar que o evento possui o alcance necessário para reunir até mesmo aqueles seus amigos que não costumam acompanhar filmes tanto assim. Afinal, a famosa estatueta é hoje considerada o prêmio mais cobiçado pela maior parte dos profissionais da indústria cinematográfica.

Como você talvez saiba, os grandes vencedores da noite são decicidos a partir de uma votação feita pelos próprios membros da Academia, que é constituída por pessoas ligadas ao ramo e que possuam certo prestígio no mercado a ponto de receberem um convite para integrar a “mesa de jurados”.

Mas dentre todos estes votantes, você consegue imaginar que existe uma quantidade considerável de profissionais brasileiros? Entre atores, diretores, roteiristas, produtores e músicos, muitos artistas nacionais já receberam a honra de poder estar entre o seleto grupo de pessoas que decide quem subirá no palco para chorar e agradecer.

Pensando nisso, o AdoroCinema separou uma lista especial mostrando quem são alguns deles. Vem conferir!

Rodrigo Santoro

Depois de estrelar obras aclamadas aqui no Brasil, como Bicho de Sete Cabeças e Carandiru, o astro começou sua carreira internacional fazendo pequenas participações, como no filme As Panteras e na série Lost. Mas foi só depois de antagonizar 300, de Zack Snyder, que ele se lançou de vez ao estrelato global. Hoje, faz parte do elenco fixo da série Westworld, da HBO.

Carlinhos Brown

Não é muito comum que músicos que não estejam tão envolvidos com o mercado norte-americano sejam convidados para integrar a Academia, mas Carlinhos Brown deixou sua marca quando foi chamado, ainda no ano passado, para ser um votante. O seu convite, no entanto, é tardio, uma vez que ele foi indicado na categoria de Melhor Canção Original, em 2012, pelo filme Rio.

Anna Muylaert

Considerada uma das diretoras brasileiras de maior prestígio internacional, Muylaert foi responsável por comandar sucessos de público e de bilheteria como Que Horas Ela Volta?, O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias, e Durval Discos. E não é para menos, afinal, até mesmo Roma, que concorre à Melhor Filme na edição atual, teve algumas semelhanças apontadas pelos críticos com a estética cinematográfica de Anna. Será que o voto dela é esse?

Fernanda Montenegro

Dispensa apresentações! Além de ser a brasileira que mais chegou perto de levar para casa a estatueta de Melhor Atriz — devolve o Oscar, Gwyneth Paltrow! — por seu papel em Central do Brasil, Fernanda é uma das artistas brasileiras de maior prestígio internacional. Ainda em plena atividade, mesmo com seus 89 anos de idade, ela recentemente venceu o Emmy Internacional por seu papel em Doce de Mãe.

Fernando Meirelles

Também um nome recorrente no exterior, Meirelles fez um estrondoso sucesso com Cidade de Deus. que lhe rendeu uma indicação de Melhor Direção, em 2004, e não parou desde então. Ele também comandou obras como O Jardineiro Fiel e Ensaio Sobre a Cegueira, além de ter dirigido a abertura das Olimpíadas no Brasil.

Alice Braga

Também envolvida em algumas produções de Meirelles, como os supracitados Cidade de Deus e Ensaio Sobre a Cegueira, a atriz Alice Braga foi convidada no ano passado, e está com a agenda cheia de futuras grandes produções. Além de ter estrelado obras como Eu Sou a Lenda e Elysium, ela estará, nos filmes Novos Mutantes e Eduardo e Mônica, que serão lançados nos próximos meses.

Sônia Braga

Tá no sangue! Tia da atriz Alice Braga, Sônia é um rosto muito conhecido pelos brasileiros, afinal, esteve em clássicos como Dona Flor e Seus Dois Maridos e Gabriela. Mais recentemente, ela foi para Cannes com a equipe do filme Aquarius, que foi ovacionado na Croisette. Seu filme O Beijo da Mulher Aranha também foi ao Oscar, no ano de 1986, quando acumulou 4 indicações, tendo vencido na categoria de Melhor Ator (William Hurt).

José Padilha

Diretor da recente série O Mecanismo, com Selton Mello, Padilha viu sua carreira explodir de vez quando comandou Tropa de Elite, estrondoso sucesso no Brasil. Depois de se mudar de vez para os Estados Unidos, ele esteve a cargo da direção de grandes produções, como RoboCop e 7 Dias em Entebbe, além de assinar a produção executivo de Narcos.

Walter Salles

O sucesso de Central do Brasil não rendeu apenas à Fernanda o status de votante na Academia. O diretor Walter Salles (junto ao diretor de fotografia Walter Carvalho) também recebeu seu convite. Depois do sucesso do filme, ele também dirigiu os aclamados Abril Despedaçado e Diários de Motocicleta. Além de ter recebido um status notável após sua indicação, o que o levou a ser convidado para obras como Paris, Te Amo, por exemplo.

Rodrigo Teixeira

Um dos produtores mais cobiçados de Hollywood no momento é o brasileiro Rodrigo Teixeira. E não é para menos, uma vez que ele esteve envolvido em filmes extremamente elogiados pela crítica, como Me Chame Pelo Seu NomeA Bruxa e Frances Ha. Aos 40 anos, Rodrigo já acumula em seu currículo uma quantidade invejável de prêmios, principalmente pelo sucesso de Me Chame Pelo Seu Nome nas premiações

Carlos Saldanha

A possibilidade de que você já tenha visto algum filme do diretor e animador Carlos Saldanha é muito grande. Afinal, ele esteve envolvido na produção de A Era do Gelo, Rio, O Touro Ferdinando, Robôs, entre outros sucessos. Atualmente, ele é um dos mais requisitados profissionais quando se trata de recrutar nomes para trabalhar com animação.

Com tantos nomes nacionais participantes da Academia, fica até difícil pra gente destacar todos eles. Felizmente, nossos artistas fazem bonito e, cada vez mais, recebem o merecido prestígio no mercado cinematográfico. Além dos citados aqui, podemos lembrar também do diretor de fotografia Lula Carvalho (Tropa de Elite), o diretor Daniel Rezende (Bingo: O Rei das Manhãs), o montador Affonso Gonçalves (Carol), o diretor Kléber Mendonça Filho (Aquarius) o ilustrador Rodolfo Damaggio (Homem de Ferro), os diretores Alê Abreu (O Menino e o Mundo) e Bruno Barreto (Última Parada 174), os montadores Pedro Kos (Lixo Extraordinário) e Felipe Lacerda (Central do Brasil), as diretoras Petra Costa (Elena) e Helena Solberg (Vida de Menina), a produtora Vânia Catani (O Filme da Minha Vida), o diretor Mauricio Osaki (Quando Tudo Formiga), a montadora Karen Harley (Zama), o documentarista João Moreira Salles (Entreatos), o músico Sérgio Mendes (Rio 2), o diretor de fotografia Adriano Goldman (Pegando Fogo), os compositores Antonio Pinto (A Hospedeira) e Marcelo Zarvos (A Escolha), o supervisor de animação Renato dos Anjos (Zootopia), e a roteirista Vera Blasi (Imperador).

Fonte: Adoro cinema

Postado na categoria: Brasil - Palavras chave: , , , ,

Leia também:

Lula Livre - AO VIVO
Lula Livre - AO VIVO

Veja ao vivo a libertação do Luiz Inácio Lula da Silva

November 8, 2019, 7:39 pm
Ana Hickmann "Caiu o VR"
Ana Hickmann "Caiu o VR"

Ana Hickmann tuitando "Caiu o VR" (Vale Refeição)!

October 31, 2019, 4:08 pm